REINTEGRAÇÃO JÁ.

                     

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Justiça decreta prisão preventiva do ex-namorado de dona de casa assassinada

          Reportagem o mossoroense - O juiz da 1ª Vara Criminal de Mossoró, Vagnos Kelly de Medeiros, decretou a prisão preventiva do ex-namorado da dona de casa Damiana Gomes de Souza, 36, assassinada a tiros na noite de quarta-feira (14), no bairro Santo Antônio. Francisco Marcos de Andrade, 39, que também foi alvejado com dois tiros, deixou de ser vítima e passou a ser investigado como principal suspeito do crime. De acordo com o bacharel Denys Carvalho, que responde pela Delegacia Especializada da Mulher (Deam), a decisão do magistrado em pedir a preventiva do suspeito por 30 dias se deu após ele cair em contradição em seu depoimento à polícia. "Além das contradições que o Francisco Marcos caiu, o depoimento dele não bate com os das testemunhas. Entretanto ainda é muito cedo para nos pronunciarmos, haja vista que as investigações estão apenas começando e muito temos que apurar sobre o assunto", destacou o delegado. Francisco Marcos já havia sido preso anteriormente pela Delegacia Especializada em Narcóticos (Denarc), onde em janeiro de 2010 foi detido acusado de tráfico. "Ele passou algum tempo preso e tinha conseguido sua liberdade e agora volta a se envolver em uma confusão ainda maior", destacou o delegado. Ainda de acordo com a polícia, Francisco Marcos está internado no Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM), se recuperando de dois tiros, um na coxa direita e outro na virilha esquerda.  O crime - Damiana Gomes e o ex-namorado Francisco Marcos estavam na casa dela, quando dois elementos em uma motocicleta chegaram à residência e sem falar nada começaram a atirar contras os dois. A dona de casa foi atingida na cabeça e morreu pouco tempo depois. O rapaz foi ferido com dois tiros, mas não corre risco de morte.
marcos_de_andrade  
         É um risco muito grande se for verdade, os dois disparos (coxa e virilha) se atingir as veias principais ele teria (evoluído) à morte, como disse o bacharel ainda é muito cedo. 
Postar um comentário