REINTEGRAÇÃO JÁ.

                     

quarta-feira, 17 de maio de 2017

O 1º TIRO A GENTE NUNCA ESQUECE.

    Neste momento considero a nossa situação um campo minado e muitos estão caminhando sobre ele. Paramos uma invasão semana passada por dois motivos, o primeiro e mais importante é evitar uma tragédia do 1º tiro e a segunda com vistas ao primeiro seria uma promessa de reunião com o chefe do poder executivo estadual.

    O problema é que esta reunião está demorando e a tropa ociosa questiona, é necessário saber se andamos em circulo, se estamos novamente depositando esperança em um moinho de vento ou algo assim.

     Como prometi aos irmãos da vanguarda, esperaremos os dez dias que entendemos serem justos, devido a dificuldade de juntar as duas agendas. Terminando esse tempo vamos retomar a missão de invasão e Deus nos proteja pois poderá ser trágico, obvio que não é ameaça mas iremos derrubar todas as portas até chegar a presença de Robinson Faria.

     E por que está nesse pé? e a resposta é simples e entendida "por todos", nós e eles, assim (um processo de exclusão que não foram obedecidos os princípios constitucionais de ampla defesa e do contraditório) é "NULO" por vício e jamais poderá ser alegado prescrição quinquenal e isso é ponto passivo e como disse todos tem esse conhecimento.

     Nossas vidas foram alteradas por oficiais que cometeram esses crimes contra militares nas décadas de 80 e 90 e, nós os 104 PMRN, somos as vítimas, o ciminoso até agora continua sendo o Estado do RN e como disse, estamos pedindo a Deus que não aconteça o 1º tiro, por nós ou por eles. Os covardes morrem várias vezes antes da sua morte, mas o homem corajoso experimenta a morte apenas uma vez. William Shakespeare
Postar um comentário